terça-feira, 28 de julho de 2009

Jogos esquecíveis- Ferroviária 0 x 1 Palmeiras (Campeonato Paulista de 1993)


Quem não sabe o que o dia 12 de junho de 1993 significa não pode se considerar palmeirense. O Palmeiras pode ganhar 15 libertadores, 8 mundiais, 46 campeonatos brasileiros, mas para mim nada vai ser mais importante que o simples "paulistinha" de 1993.

Por incrível que pareça, eu considero uma partida contra a Ferroviária como a segunda partida mais importante do Palmeiras naquela campanha históricada campeonato paulista. Para mim, ali foi que tive a certeza que nada nem niguéem tiraria esse título da gente. Explico os motivos:

- O Palmeiras se classificou para um quadrangular semifinal junto com o Guarani, Ferroviária e Rio Branco. O melhor de cada quadrangular se classificaria para a final do campeonato.

- Naquela época os times do interior não eram fortes, ERAM MUITO FORTES. Não eram esses times de empresários de atualmente e a Ferroviária de Araraquara era um dos mais enjoados de vencer, especialmente no Estádio da Fonte Luminosa.

- Início do quadragular: massacre sobre o Rio Branco no Parque (6x1) e uma vitória difícil sobre o Guarani no Brinco de Ouro. Aí chegou a partida contra a Ferroviária em Araraquara.

- Não seria nenhuma tragédia empatar ou até perder contra a Ferroviária, uma derrota não selaria o futuro do Palmeiras como foi contra o Bragantino no Paulista de 1989, mas uma vitória contra a Ferroviária tinha um simbolismo muito forte: Não tinha fantasma do interior daquela vez! Não teria nenhum fantasma! Seríamos campeões quer queiram ou não.

- Porém o jogo foi dificílimo!!!! Acho que aquele foi o último grande time da Ferroviária e o Palmeiras estava muito nervoso (pelo menos na minha lembrança). Era um jogo aberto (e consequentemente perigoso), ambos os times criavam e acredito que quem fizesse o primeiro gol fatalmente ganharia a partida.

- Aos trinta e sete do segundo tempo. Narração de Osmar Santos na TV Manchete: "... bom drible de Edmundo, limpou pela meia direita, ele chega pra área, tenta o Verdão, tenta encobrir o goleiro..........GOLAAAAAÇÇÇÇÇOOOOOO!!!!!!! Edmundo, o Animal!!! Edmundo, o Animal!!!!!GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLAAAAAÇÇÇÇÇOO!!!!!

- Por favor entrem nesse link e relembrem esse gol e os melhores momentos da partida com a narração do inesquecível (e palmeirense) Osmar Santos: http://www.youtube.com/watch?v=Imq8b9PvAfY&feature=related (vale muito a pena assistir a esse vídeo)

-Pqp...C... Fim do jogo. Fim do sufoco. Aquele ano era nosso e ponto final!!!!!!!!!!!! (Alguém se lembra desse jogo??? Alguém se lembra das partidas do campeonato paulista na Rede Manchete???)
- Depois de tantos perebas nesse blog, vamos a um gênio (pelo menos naquela época) para descontrair... Então fala Osmar: Edmundo, o animal!!!!!!!!!!!! Edmundo, o animal!!!!!!!!!!!

3 comentários:

  1. Caraca, não me lembrava deste jogo e nem de campeonato paulista na Manchete. E me deu saudades do Osmar Santos, que judiação, que infelicidade perdermos sua narração.

    ResponderExcluir
  2. Eu lembro da torcida da Ferroviária cantando antes do jogo: " O Palmeirense, fica na sua! Mudou camisa mas a fila continua!" Falando da nossa "nova" camisa listrada...

    hahahahahaha
    Bando de idiota!

    ResponderExcluir
  3. Yzquierdo, só me lembro desse campeonato paulista de 93 transmitido na Manchete, não sei se ela passou outros paulistas ou campeonatos em outros anos.
    Fabrizio, se não me engano essa maldita musiquinha era cantada por muitas torcidas adversárias contra o Palmeiras. Era a única forma de nos atingir, depois inventaram a besteira do "esquema Parmalat"...
    Abraços, Fábio

    ResponderExcluir