quinta-feira, 6 de agosto de 2009

André Cunha: a camisa pesou um pouquinho


Execelente sugestão do Fabrizio de um jogador que, confesso, tinha apagado da memória. Mas com certeza ele merece ser "homenageado" neste blog.
Aposto que no início de 2005 quando a diretoria do Palmeiras anunciou a contratação do André Cunha todos os palmeirenses disseram o seguinte: "Boa diretoria!!!! Finalmente acertaram uma, esse cara joga muito na Ponte Preta!!!!". Ou alguém já achava que ele era uma enganação?
Parecia que naquele ano os nossos problemas na lateral-direita estava resolvido. Triste engano. Ele foi um dos exemplos da "pequena" diferença de peso entre a camisa da Ponte Preta e do Palmeiras.
Uma sequência inicial de péssimo jogos já mostrava que nunca ele seria no alviverde o lateral habilidoso e que atacava muito na Ponte Preta. Se jogar no Palmeiras já é difícil, jogar sem o apoio da torcida é quase um atestado de morte no Palestra.
Em 2005 foi o primeiro ano do Palmeiras sem o nosso idolotrado Mustafá na presidência. Apesar do Della Mônica ser um cupincha do Mumu, ele tentou fazer algumas contratações para mudar a política do ruim, tosco e barato de épocas anteriores.
Infelizmente 2005 foi um ano de tiros n'água: Bruninho (alguém se lembra desse lateral que veio do Marília?), Cristian e Marcel (vindos do Paraná), Marcinho Porpeta, Gamarra, Gioino (o clássico...hehehe), Fabiano (lateral esquerdo), Warley, etc. Na minha opinião o Juninho Paulista e o Washignton Orelha foram as melhorzinhas contratações daquele ano.
2005 não foi lá um grande ano para nós, mas pqp... quem diria que 2006 seria muito pior??? Dá até arrepios de lembrar daquela época! Beluzzo, por favor, fique até o final dos tempos no cargo de presidente do Palmeiras.
Hoje ele joga no futebol da Angola. Pobre povo angolano!! Após uma guerra civil eles ainda tem que ver o futebol do André Cunha?? É muito sofrimento para um povo!!! hehehe...
Valeu Fabrizio pela dica! Infelimente algumas zicas sugeridas eu não encontro a foto dos caras. Exemplos: Buião, Lozano, Daniel Martins, Ricardo Boiadeiro, Rovilson e outras assombrações.
* Foto retirada do site Ponto Verde

8 comentários:

  1. PQP...dá até arrepios quando vejo essas assombrações...Mas me dá mais medo ainda quando vc fala o nome do Bostafá.....Cruzes esse ai dá medo mesmo!!!Agora falando do André Cunha não vai ser o primeiro nem o último que vem com status de grande jogador do interior e chega aki...Nada.....daki a pouco vc pode pegar as fotos do Capixaba e do Jumar e fazer um post...que são exemplos até mais recentes de jogadores desse tipo!!!Abraços!!!

    ResponderExcluir
  2. Da hora! Saiu o post sobre ele! Valeu Fábio!

    Cara, é como você disse... 2005 foi um ano terrível! Para ter uma noção, nosso ataque na estréia da Libertadores era Osmar e Ricardinho" Lembra do Ricardinho? Que depois foi pro Grêmio jogar a série b?

    Naquele ano fui no Palestra ver Palmeiras 0x0 Cerro Porteño. Juro, que se pudesse, tinha entrada no gramado e tinha matado o André Cunha de porrada! O bicho ruim da porra!

    O Palmeiras jogou que nem time pequeno aquele dia! Se tivesse tomado um golzinho, quem classificava era o Cerro e o Santo André! Pode??

    2005 foi ruim e na minha opinião, foi pior que 2006! Ainda que em 2006 ganhamos clássicos contra gambás e SPFW ( 3x1 de virada,lembra?). Já em 2005 era só fubecada!

    Perdemos no Palestra de 4x1 pro América de SJRP!!

    Bom... é isso!
    Valeu pelo post e prometo achar uma foto do Lozano pra vc! Rs

    Abs

    ResponderExcluir
  3. Serve essa? Rs

    http://www.zerozero.pt/img/jogadores/40/57840_john_harold_lozano.jpg

    ResponderExcluir
  4. Não acho que o ano de 2005 foi tao ruim assim. Começamos muito mal eh verdade, mas depois chegou o Leão e time até q deu uma reagida tanto q no final do ano chegamos à Libertadores, depois daquela grande vitória contra o Fluminense. è bom lembrar q o Gamarra foi eleito o melhor zagueiro daquele brasileiro e o marcinho terminou o ano como artilheiro do time com 20 gols.

    ResponderExcluir
  5. Marcelo, o ruim é que o Mustafá ainda é influente lá dentro. O meu medo do Capixabana não é nada comparado ao medo que tenho do Mumu.
    Fabrizio, que fim teve o Ricardinho? Ele chegou a fazer alguns gols importantes no Brasileiro de 2004, mas depois caiu de rendimento. Depois do Grêmio nunca mais ouvi falar dele. Outra coisa, me lembro bem da agonia que foi aquele Palmeiras X Cerro no Palestra,se a gente ganhasse por 2 gols de diferença evitava os bambis na próxima fase, mas aquele time era muito incompetente.
    John, realmente em 2005 o Palmeiras foi razoavelmente bem no Brasileiro, mas o ruim é q os bambis ganharam a Libertadores e os gambás compraram o Brasileiro. Isso que foi cruel daquele ano.
    Att. Fábio

    ResponderExcluir
  6. Foi em 2005 que contrataram o rosembrick pro meio campo não é?. Baita jogador hein..kkkk
    O Marcel só fez um jogo bom pelo palmeiras, foi na estréia contra a inter de limeira, meteu dois gols, e dps nada.., e ainda o corinthians o contratou pra jogar a série B..kkkk
    Quanto a derrota para o América em Casa, se não me engano quem fez o gol do palmeiras foi um atacante chamado Cláudio das categorias de base, nunca mais ouvi falar desse cara, alguém sabe?. E do Ramos, meia canhoto que jogo a copa SP de 2010?, esse parecia ser bom, se até o miguel foi promovido..kkk

    ResponderExcluir
  7. vcs estao ateh hoje sem porcaria nenhuma e ainda quer falar e defamar o cara, vai falar mal do LEAO que afundou o time naquela epoca, e outros time por ai...agora tanta gente com "nome"que passou no time e nao rendeu p...nenhuma...

    ResponderExcluir
  8. O Gamarra também foi uma ótima, fez um Brasileirão 2005 (ou poderíamos chamar de Zveitão???) excelente, corrigia as cagadas do Daniel (meu deus!!!) e organizava a defesa.

    ResponderExcluir